sábado, 25 de abril de 2009

Limão e HIV




De: Estela Bravo
Para: Grupo Ervas e Plantas
Enviadas: Quinta-feira, 28 de Agosto de 2008 18:25:58
Assunto: Limão e HIV

19/07 - PESQUISADOR APRESENTA SOLUÇÃO À BASE DE LIMÃO PARA MATAR HIV


Um simples limão pode conter resposta para a prevenção da Aids, permitindo a elaboração de um gel vaginal capaz de destruir o HIV, protegendo milhões de mulheres durante as relações sexuais, de acordo com a pesquisa de uma equipe australiana, inspirada nas antigas tradições rurais do sudeste asiático. Na região, o suco de limão é usado como contraceptivo pelas mulheres, pois sua acidez mata os espermatozóides.

O grupo australiano dirigido por Roger Short, da Universidade de Melbourne, cujos trabalhos devem ser apresentados nesta terça-feira (13/7) na conferência internacional sobre a Aids, garante que uma solução à base de limão, testada em laboratório, pode matar o vírus que causa a doença.

"Se os testes clínicos confirmarem que o uso do suco de limão na vagina é aceitável, seguro e eficaz, pode ser um germicida natural", resume o trabalho.

Os pesquisadores se esforçam para descobrir germicidas, já que servem de alternativa ao preservativo em matéria de prevenção da Aids. Um creme ou gel germicida seria particularmente útil na África, onde as mulheres representam mais da metade dos 25 milhões de soropositivos e são particularmente vulneráveis.

Como vivem em uma situação de submissão, não conseguem forçar seus parceiros a usar o preservativo. Discreto e barato, um gel germicida que suporte o calor e não precise ficar na geladeira seria o ideal.

Apenas um germicida, uma molécula chamada nonoxynol-9, foi testado até agora em um grupo de mais de 400 prostitutas na África ocidental, África do Sul e Tailândia. O resultado foi desastroso.

As pessoas que utilizaram o nonoxynol-9 três vezes ao dia ou mais corriam o dobro do risco de serem infectadas pelo vírus da Aids do que as que receberam o placebo. O remédio, um produto químico potente, irritava a mucosa vaginal e as lesões criadas facilitavam a entrada do vírus no sangue.

Outros seis amplos estudos clínicos de germicidas estão em andamento ou prestes a começar. Este tipo de pesquisa recebeu um novo impulso com a criação da International Partnership for Microbicides, que olha com certo ceticismo o estudo sobre o limão.

"O conceito se apóia em uma regulação do PH (acidez) da vagina e isto já é muito pesquisado desde o Buffer Gel", declarou um especialista. "Ao procurar um super germicida talvez tenha se deixado de lado a simples bicicleta", declarou na semana passada à publicação britânica Nature.

A equipe de Roger Short testou várias soluções do suco de limão no esperma humano infectado com o HIV. O vírus não foi afetado quando exposto a uma solução com 2% de suco de limão durante uma hora. Entretanto, a sua redução foi drástica quando a concentração da substância subiu para 10%. Além disso o produto é tóxico.

Uma solução concentrada em 20% permitiu destruir 90% do vírus em dois minutos, mas mostrou sinais tóxicos. Ainda será necessário um longo período de testes para que os limões possam ser utilizados com este fim.

Data Edição: 19/07/04
Fonte: Richard Ingham, Em Bancoc

__._,_.__

7 comentários:

Anônimo disse...

Tem um gel que em qualquer famácia de manipulação pode ser feito e segundo o livro CURA NATURAIS QUE ELES NÃO QUEREM QUE VOCÊ SAIBA - do autor Kevin Trudeau, combate vários germes. Trata-se do natural Dimetilsufixo DMSO a 5% - eu o uso e tenho resultados ótimos em queimaduras eu aplico a de hora em hora, como ante inflamatório, como gel lubrificante na hora da relação sexual, picada de insetos, feridas, verrugas, crista de galo ( HPV ), o HPV de uma amiga e de seu marido sumiram da periquita e do periquito depois que usaram esse gel e assim vai a lista é interminável.

Anônimo disse...

Todas as opções de cura para o HIV não são tratadas com importância relevante pelos governos. Os remédios são lucrativos para os EUA que ganham bilhões por ano em todo o mundo. Os remédios que eles usaram na década de 80 os países subdesenvolvidos usam hoje, um exemplo é o Brasil. O remédio que todos os outros países usam causam diversos problemas e deixam os portadores piores, é um absurdo deixar as de lado as opçoes de cura que o Brasil tem para ajudar seus infectados brasileiros por este vírus. Se o Brasil tomasse uma atitude neste caso na cura das pessoas daqui, seria uma revolução e até mesmo guerra contra os EUA.

YuriBSB disse...

Pesquisem no facebook: MMS - A CURA MEDICA DA AIDS (milhares de casos de cura)'' . DR KIM HUMBLE ja vem curando milhares com seu achado, tao simples que so um quimico pra tirar o chapeu para essa solução tao aos olhos da cara!

Dera deal disse...

Meu nome é Victoria de Oslo vivendo em Reino Unido, eu quero testemunhar sobre Dr. Micheal Osas, Deus continuará a abençoá-los mais abundantemente para as boas obras que você está fazendo na vida das pessoas, eu vou continuar a escrever bem e postar depoimentos sobre você na Internet, i foi testado HIV positivo em 2011 e me senti deprimido todo esse tempo, até que eu vi um blog sobre o Dr. SAOS micheal curadas as pessoas com ervas e poderes espirituais, eu não acreditava, mas eu decidi dar-lhe uma tente, entrei em contato com ele e seguiu as instruções dadas para a minha surpresa, eu também tenho a minha cura, eu estou tão feliz de ser curada, então eu prometi para transmitir essa mensagem para o mundo. Se você tiver qualquer problema ou você também está infectado com alguma doença como HIV / AIDS, Staphylococcus, Herpes, Câncer, Hepatite, envie um e-mail para dr.Micheal Osas-lo agora herbalcure4u@gmail.com or herbalcure4u@hotmail.com . Eu respondo por ele 100% você pode me adicionar no facebook: coolbabytp ou coolbabytp4u@facebook.com

Milton Faustino Glx disse...

quero saber de facto se o limão pode matar o virus do HIV, e cuma e feita esta mesma receita de limão,,,Aqui tem o meu E-mail Miltonfaust@outlook.com para esplicarem mas detalhes acerca da cura do limão..obg.

Jane Bourges disse...

Meu nome é Jane Bourges e meu e-mail é janebourges@gmail.com. Eu sou um artista, ativista, amante e lutador.
Eu era HIV positivo, e sou um fora e, finalmente, ORGULHOSO HIV negativo e livre.
Eu fui diagnosticado com HIV em 2006. Fiquei arrasado e eu passei a vergonha eo dilúvio indesejado de emoções que quase afogá-lo depois de saber que você tem o vírus mortal, ouvindo o que os outros dizem por ignorância, e mesmo sendo a efígie de estigma nascido de que a ignorância.
Levei um tempo para processar (cerca de 2 anos), e, finalmente, percebi através de outros amigos que não havia cura através de meios espirituais e ervas da África Herbalist doutor Anthony Odia, depois de fazer contatos com ele pelo e-mail Odincurahiv @ gmail. com, juntamente com a sua orientação, eu pedi para as ervas e começou a tomá-lo, as ervas durou 7 dias, como instruído pelo médico, uma semana depois que eu fui ao meu médico pessoal e testes foram realizados e os resultados mostraram Negativo, que há havia nada de errado comigo ... Então, para mostrar o meu apreço i decidiu anunciar também a todas as outras pessoas que precisam de compaixão, orientação e educação sobre HIV / AIDS e Câncer. Estou dedicado a organizações como o Projeto Estigma e A Tribe Câncer. Convido diálogo aberto sobre a minha própria experiência HIV e câncer, e responder às perguntas que qualquer um gostaria de saber as respostas. Se eu não souber a resposta, eu vou encontrá-lo com você, então entre em contato com Herbalist Anthony Odia agora por telefone 2349032913215 ou facebook em odincurahiv@outlook.com

Anônimo disse...

Bom dia.. me chamo marcelo.. sou soro positivo.. eu queria mais informações sobre essas ervas da cura do hiv... mail:marcelloscon@yahoo. Com.br / face: marcelooscon@yahoo. Com.br/ Cello Souza. Desde já agradeço sua colaboração.. que Deus abençoe a todos..