segunda-feira, 4 de maio de 2009

Rituais de desintoxicação da Pele

Rituais de desintoxicação da Pele
:: Conceição Trucom ::

Saiba selecionar os pensamentos que hospedas em tua mente.

Bem, cuidar da pele tem duas vias: a interna onde a alimentação desintoxicante, via sucos e chás, e os pensamentos, via meditação, irão viabilizar que nossos lixos internos sejam expurgados, transformados, curados.

...

o ritual confere um senso de propósito e presença (estar presente) às nossas ações. Os rituais exaltam nossa consciência, sensibilidade e receptividade. Só estando presente, haverá a gradidão e a alegria das conexões alcançadas durante tais rituais, que aqui são de limpeza e purificação.

Não importa a maneira como nos alimentamos, trabalhamos, fazemos nosso asseio, meditamos ou até mesmo preparamos nossos alimentos. Todas estas ações podem ser vivenciadas como rituais, quando as elevamos do ordinário para o sagrado, dando à nossa vida um senso de finalidade: nosso corpo sendo verdadeiramente respeitado como um templo de nossa experiência de elevação e superação.

Você não precisa praticar todos os rituais aqui propostos, mas selecione aqueles que você mais aprecia para vivenciar diariamente. Depois de um mês, vá alterando para as outras possibilidades.

ESCOVAR A PELE
Escolha o melhor momento do dia, mas separe pelo menos 10 minutos de atenção ao seu corpo. Adote o ritual de escovar a pele, a seco, com uma escova de cerdas macias. Sua pele é um grande órgão de eliminação, merece atenção especial. Devemos fazer de tudo para mantermos o sangue circulando vigorosamente, poros abertos e limpos, pele viçosa. Isso significa limpeza das células mortas da pele, bem como direcionar as toxinas para a sua superfície, ativando a produção de novas células saudáveis.

A escovação por todo o corpo irá estimular a circulação, dando uma sensação de renovação, frescor e vitalidade. Uma sugestão: mantenha esta escova ao lado da cama. É fantástico despertar o corpo pela manhã com esta massagem.

BANHO CONSCIENTE
Qual o momento de maior intimidade que o ser humano tem consigo mesmo em estado consciente? Sem a menor dúvida, é na hora do banho. Pode e deve ser o momento de se tocar, se enxergar, se dimensionar.

Hoje, o sagrado momento do banho, de simbologia tão profunda, encontra-se adormecido e quase esquecido pela grande maioria dos povos da cultura ocidental; e merece ser repensado. Não importa o tempo gasto no banho, mas a sua capacidade de transformar, mesmo o rápido banho de chuveiro, num ato consciente de entrar e estar em contato com você.

Que sejam dez minutos, mas qualitativos. Durante esse curto espaço de tempo você pode estar muito presente, refletir, limpar e harmonizar as suas energias e ter contato com o seu corpo. Utilize o banho como uma redescoberta integral do seu ser.

É hora de relaxar, deixar de lado sua atitude apressada e inquieta e ver o banho como ele é - um belo ritual de limpeza e purificação. A água morna (jamais quente) estimula os poros a se abrirem em grandes "dutos" por onde as toxinas poderão sair. A escovação já retirou as células mortas, o banho morno irá abrir os poros e relaxar as tensões.

A água tem propriedades curativas: a hidroterapia. Você pode praticar esta terapia sob uma ducha, mas se tiver uma banheira e tempo, será melhor ainda.

Existem muitos "detalhes" para integrar e tornar esse ritual mais íntimo e divertido. Use velas, música, aromas. Aliás, aromatizar é fundamental e, não esqueça aquele sabonete de glicerina vegetal, argila e ervas.

ESCALDA-PÉS
Este não é um hábito indicado como diário, mas vale a pena usá-lo quando perceber que as coisas estão aceleradas e passando um pouco dos limites. Mensagem embutida: pare, relaxe, desintoxique- se e durma!

As toxinas do corpo seguem a lei da gravidade, acumulando-se nas pernas, pés e mãos e, normalmente, procuram sair gradualmente através da pele. O sulfato de magnésio - o famoso sal amargo -, quando usado num escalda-pés, "dissolve" essas toxinas que são, então, eliminadas na água.

Este procedimento é indicado em casos de intoxicações mais acentuadas e pode ser aplicado na forma de escalda-pés ou banho de imersão. Como qualidade energética, ele purifica e regenera.

Como praticar: feche portas e janelas para evitar correntes de ar. Evite movimentos desnecessários, conversas e presença de pessoas não relacionadas ao tratamento. Use uma bacia, balde ou similar (não de plástico), grande o suficiente para conter os pés de modo confortável. Encha o recipiente com água quente (sem exceder 40°C) na quantidade certa para cobrir por completo os tornozelos. Dissolva de 3 a 5 colheres (sopa) de sulfato de magnésio. Sente confortavelmente, usando roupas folgadas e joelhos cobertos. Mergulhe aos poucos os pés na água e cubra as pernas com uma toalha. Coloque um agasalho ou manta nas costas. Ao final, enxágue os pés com água fria e pura, para interromper o processo de "corrosão" das toxinas. Seque bem os pés, calce meias e vá direto para a cama, cobrindo-se adequadamente.

É recomendável beber um copo de água morna, antes do escalda-pés e manter, durante sua aplicação, uma compressa de água fria na testa para refrescá-la, direcionando o sangue para outras áreas do organismo. Renove a compressa sempre que ela se aquecer.

Frequência: uma ou mais vezes/semana, geralmente à noite, antes do sono, até o desaparecimento dos sintomas. A duração é de 10-15 minutos, não devendo ser demorado, para que as toxinas liberadas não retornem ao corpo.

Banho de imersão: para completar a purificação realizada através do escalda-pés, uma vez por mês pode-se fazer um banho de imersão, numa banheira ou ofurô. A quantidade de sulfato de magnésio pode variar de 7 a 10 colheres (sopa), segundo o peso e volume da pessoa. Pode-se acrescentar ervas medicinais e óleos essenciais aromáticos, para complementar a ação terapêutica do sal amargo. Para hidratar o corpo, pingue na água do banho 5 ou 6 gotas de óleo de amêndoa doce. Igualmente, o banho não deve ser prolongado (10-15 minutos} e é importante o enxágue com água limpa ao seu término.

Opções de ervas medicinais:
CAMOMILA - os resultados desse banho você nota imediatamente, pois ele dá profunda sensação de repouso e faz uma limpeza completa em sua pele.
HORTELÃ - perfeita para tonificar os músculos e renovar as energias. Além disso, a hortelã contribui para amaciar a pele e tem um excelente efeito desodorizante.
ALFAZEMA - o banho de alfazema tem uma grande vantagem, pois você já sai dele suavemente perfumado.
SÁLVIA - erva de efeito antiinflamató rio, que ajuda a combater cravos e espinhas. O banho de sálvia é recomendado especialmente para quem tem pele oleosa.
FLOR DE LARANJEIRA - dá uma gostosa sensação de frescor e descanso. A flor de laranjeira é também adstringente e fecha os poros excessivamente dilatados.
MELISSA - também conhecida como erva-cidreira, proporciona um banho repousante e perfumado. Tomado antes de dormir, garante um sono tranquilo.

Conceição Trucom é química, cientista, palestrante e escritora sobre temas voltados para o bem-estar e qualidade de vida. Reprodução permitida desde que mantida a integridade das informações e citada a autora.

Email: mctrucom@docelimao. com.br


ADVERTENCIA ACURANATURAL

1- Não utilize a mesma planta ou receita por mais de 15 dias seguidos. Procure outra com os mesmos efeitos e alterne o uso.

2- Evite o uso de recipientes de alumínio.

3- Prepare as receitas na quantidade certa para ser consumidas na hora. (A não ser quando recomendado).

4- Ressaltamos que toda receita alternativa tem o poder de acalmar e amenizar o problema, seja ele uma dorzinha de barriga ou uma grande enxaqueca. É importante sempre lembrar de anotar os seus sintomas e procurar ajuda médica periodicamente para os check-ups. Não nos responsabilizamos pela ingestão das ervas sem o devido acompanhamento terapêutico.

Nenhum comentário: