segunda-feira, 7 de novembro de 2011

HEPATITE

O QUE É HEPATITE?
É uma doença do fígado bastante contagiosa, por isso os objetos de uso do paciente devem ser mantidos separados dos objetos dos outros. 
Durante o período da hepatite é bom alimentar-se somente de sucos de frutas ou verduras. 

Tome bastante chá de picão, aipo-do-reino e raiz de salsa, diversas vezes por dia, até ficar curado.

Dentre as ervas, relacionamos abaixo algumas muito utilizadas como hepatoprotetores:
- Picão
- Gervão
- Erva Tostão
- Fava de Santo Inácio
- Mulungu
- Jatobá
- Dente de Leão
- Agrião

- Boldo do Chile: O chá feito com as folhas do boldo parece obter resposta positiva na redução das transaminases, porém estudos preliminares apontam sua associação à elevação de enzimas no fígado. Além disso, há fortes evidências que a sua interação com medicamentos anti-coagulantes possa ser maléfica.

- Alcachofra: (Cynara Scolymmus) Planta tradicionalmente popular no tratamento dos transtornos hepáticos. O ingrediente ativo, Cynarin, demonstrou proteger as células hepáticas e possuir efeitos reparadores das mesmas. É facilmente encontrado em cápsulas em qualquer farmácia.

- Alcaçuz: (Glycyrhiza glabra) - Aparenta ser efetiva no tratamento das hepatites viróticas; no Japão, o principio ativo é comercializado para tratamento endovenoso das hepatites crônicas. Em excesso, pode elevar a pressão, reter líquidos no organismo e causar complicações cardíacas.

- Alecrim: A atividade hepatoprotetora e hepatocurativa apresentada pelo alecrim, fundamentalmente por seus brotos mais tenros, pode ser atribuída à sua capacidade antioxidante. O alecrim não deve ser utilizado de forma contínua já que o seu uso excessivo pode dar lugar a manifestações tóxicas.

- Alho: É um antibiótico, antifungicida e antiviral natural, protegendo o corpo de infecções, eliminando toxinas e regulando os níveis de células brancas e vermelhas. Em altas quantidades, pode causar dermatite e diarréia e ainda inibir a coagulação do sangue e alterar a função da tiróide. Deve se ter muito cuidado com a quantidade ingerida e deve ser preferido o alho natural ao óleo em cápsulas. Dica culinária: para evitar a continuidade do sabor do alho na garganta, corte o dente de alho ao meio e retire o bulbo central antes de usar. Cuidado: não use em excesso se você tiver cirrose.

- Astragalus: (Astragalus Membranaceus) Na medicina chinesa é chamado de HUANG QI, e possui excelentes propriedades para melhorar o sistema de defesa do organismo, reativando o sistema imunológico.

- Cardo Mariano: (Silymarina) (Silybum Marianum)(Leberschu tz)  A silymarina referencia-se ao extrato das sementes do cardo mariano; utilizado há mais de 2 000 anos, foi largamente empregado na Idade Média para tratamento do fígado. O ingrediente ativo atua como um potente hepatoprotetor e antioxidante e promove o nascimento de novas células hepáticas. O cardo mariano pode ajudar a proteger e sarar o fígado, nos danos causados pelo álcool, drogas, produtos químicos ou medicamentosos, venenos ou hepatites. É muito usado na Europa, principalmente na Alemanha, onde existem  estudos científicos comprovando o seu efeito benéfico. Ganhou comprovação científica também no tratamento dos danos causados pelo álcool, drogas, medicamentos, venenos e agrotóxicos e está sendo  estudado no tratamento da hepatite e da cirrose. A dosagem recomendada é de 300 a 600 miligramas, por dia, de extrato que no mínimo contenha 80% de principio ativo. Dosagem de ataque: 70-80 Mg, quatro vezes/dia ou 150 Mg duas vezes/dia, durante quatro a seis semanas. Dosagem de manutenção: 70-80 Mg duas-três vezes/dia; ingerir de preferência junto com alimentos. Aparenta não possuir efeitos colaterais e não reagir com outros medicamentos. Reduz o colesterol biliar (gordura depositada no fígado, chamada de esteatose). Encontra-se à venda em farmácias e nas lojas de vitaminas importadas. Na farmácia, é encontrada pelos seguintes nomes: Silimalon ou Legalon, Milk Thistle ou Leberschutz. Caso se disponha da planta, jogar uma colher de sobremesa da flor seca em uma xícara de água quente e aguardar dez minutos antes de beber.

- Coenzime Q 10: É um antioxidante que aumenta a capacidade das células T, reduz o risco de infecções e ativa a produção do Interferon natural.

- Cogumelos reishi, shitake e cogumelo do sol: Na medicina chinesa estes cogumelos são chamados de Fu Shen e aparentam possuir o poder de aumentar as defesas imunológicas e da produção do Interferon natural. Também regula a pressão arterial, limpando o sangue, estimulando o funcionamento do fígado e ajudando a combater o stress. Recomenda-se fazer um chá com 3 a 5 gramas de cogumelos por dia.

- Dente de Leão: (Taraxacum Officinale) A raiz e as folhas possuem propriedades reparadoras para o fígado. Recomenda-se o uso da erva em cápsulas, à venda em farmácias. É um excelente diurético, recomendado para pessoas com retenção de líquidos; ótima alternativa para substituir os diuréticos.

- Equinácia: (Echinacia Purpura) Estimulante do sistema imunológico, aumenta a capacidade do Interferon natural produzido pelo organismo, sendo excelente para tratar a neuropatia (pernas pesadas). É um bom coadjuvante no tratamento das infecções por vírus, bactérias e fungos, interferindo aparentemente na replicação dos vírus e dificultando a sua reprodução. Mostrou-se eficiente para restaurar o sistema imunológico de pacientes submetidos à quimioterapia; encontra-se em cápsulas nas farmácias. Durante a gravidez e lactação, seu uso exige estrito controle médico.

- Ferro: Não deve ser tomado nenhum suplemento que contenha ferro. Uma das características da hepatite C é a acumulação de ferro no fígado e está comprovado que os vírus se alimentam deste ferro. Muito cuidado com os complementos multivitamínicos e minerais; geralmente, a quantidade de ferro é muito superior à dosagem diária recomendada para o organismo.

- Ginkgo Biloba: Pode ajudar a combater o cansaço; são suficientes 60 mg. diários do extrato em cápsulas. Poderoso antioxidante do sistema nervoso central, atua nos problemas de memória, pressão alta, depressão, e ativa o sistema imunológico.

- Ginseng: Estimula a atividade das células T e a produção do Interferon natural.

- Liver Flush: É um chá usado nos Estados Unidos para limpar o fígado e é preparado jogando-se um copo de água quente (não ferver) em: 1/2 colher de gengibre fresco, 1 colher de sementes de Feno Grego (encontrado em casas de condimentos árabes), suco de 1 limão galego e 1 pitada de pimenta malagueta.

- Spirulina: É o extrato da alga verde/azul e possui atividade antiviral; não existem estudos sobre o efeito na hepatite C, porém acredita-se que acelere a recuperação do fígado. É rica em betacaroteno.

- Suco de limão: Excelente depurador para o fígado. Não pode ser usado em excesso se a pessoa sofrer de problemas gástricos ou se tiver cirrose.

- Timo e Thymic Factors: O thymic factors é uma combinação de drogas desenvolvida pelo Dr. Carson B. Burstiner após ter contraído hepatite B. Entre seus ingredientes, encontram-se extrato de timo cru, fator humoral de timo, polipeptídios enzimáticos, ervas variadas e vitaminas. Relatam-se resultados alentadores em hepatite B e C, artrite reumatóide, lúpus, esclerose múltipla, psoríase e câncer de pele. O timo é uma glândula localizada no peito, entre a garganta e o estômago, e atua sobre o sistema imunológico e o sistema de defesa do organismo. Como medicamento, pode ser encontrado o extrato de timo cru, o qual é extraído do gado; no Brasil, encontra-se nas farmácias. Infelizmente, a maioria das propostas fitoterápicas, dietoterápicas ou alternativas na medicina não possuem o rigor acadêmico e, portanto, expõem os pacientes aos riscos gerados pelo desconhecimento dos seus benefícios e malefícios. Em recente revisão bibliográfica realizada por alunos de iniciação científica e de pós-graduação, percebeu-se alguns exemplos que permitem consolidar esta preocupação. Para se ter uma idéia, o Confrei está relacionado com casos de doenças vasculares do fígado, doença de difícil tratamento que muitas vezes requer o transplante hepático para evitar a morte do paciente. Casos de Hepatite Fulminante pelo Kavacava foram relatados, assim como pela Cascara Sagrada, segundo publicação na conceituada Revista American Journal of Gastroenterology. Tem-se observado que algumas ervas chinesas estão proibidas em várias partes do mundo por causarem Hepatite e Fibrose Pulmonar, enquanto que a Sacaca, extraída de árvores amazônicas e comercializadas no Norte-Nordeste do Brasil, não possui qualquer efeito em reduzir o colesterol, além de ter causado Hepatite grave e morte em vários consumidores em Belém do Pará, Manaus e em outras cidades do País. O quebra-pedra não possui efeitos benéficos no fígado nem combate hepatite.

Outros tratamentos alternativos:
- Vitamina A: É a vitamina mais perigosa para o fígado, junto com o excesso de vitamina E. É de difícil metabolização pelo fígado, acumulando-se gradativamente e resultando em um excesso de vitamina, chegando a comprometer o mesmo; em inúmeros casos, resulta em dano hepático.

Muito cuidado com os complementos multivitamínicos. Geralmente, a quantidade de vitaminas A e E é muito superior à dosagem diária recomendada para o organismo.

- Vitamina C: É um poderoso agente antiviral; o prêmio Nobel de medicina, Dr. Linus Pauling, recomenda um mínimo de 10 gramas de vitamina C por dia para qualquer pessoa; nesta dosagem porém pode causar diarréia, que cessa ao interromper- se a ingestão. Muito cuidado: tomar acima de dois gramas por dia pode aumentar a quantidade de ferro no fígado, que representa um perigo, principalmente nos casos de cirrose e nos pacientes com hepatite C em tratamento com Interferon, inibindo a ação deste. O médico deve ser consultado.

- Vitamina E: Excelente antioxidante, ajuda a reduzir a inflamação dos órgãos do corpo, inclusive do fígado, ao eliminar os radicais livres, podendo, assim, obter a redução das transaminases. A dosagem não pode ultrapassar 800 UI (Unidades Internacionais) por dia, pois, por ser oleosa, tende a se acumular no fígado, e o seu excesso terá um efeito tóxico nocivo. A melhor dosagem comprovada é de somente 200 UI por dia.

- Homeopatia: Não existem registros que prescrevam o tratamento homeopático, porém, todas as formulações usadas para fortalecer o organismo e o sistema imunológico são válidas. A medicação só deverá ser realizada sob orientação médica.

- Acupuntura: Não pode atacar diretamente um vírus, porém pode ser um estimulante para fortalecer o organismo como um todo.
============ ========= ========= ========= ========= ========= ========= ==
Aromaterapia

Tomar os óleos essenciais de:
Hortelã-pimenta "Mentha piperita" (por causa do mentol) - 2 a 3 gotas;
Ravensara aromática (alpha-terpineol/ cineol) - 2 a 3 gotas.
Oleoresina de alecrim "Rosmarinus officinalis" (ácido rosmarínico) - 2 gotas.
Posologia:
Pingar as gotinhas em uma colher, depois colocar água e tomar 3 vezes ao longo do dia.
============ ========= ========= ========= ========= ========= ========= = 
Na alimentação:
Ingerir 5 colheres de sopa de leite de coco ou do óleo puro - não estes comprados no supermercado, pois, estes eles retiram a gordura que é justamente o que interessa para nós  -  ou óleo de babaçu.
------------ --------- --------- --------- --------- --------- --------- -
Receitas

1 - Casca de limão maduro - colocar num vidro grande, com água, em infusão, até que a água fique amarela - tomar 2 xícaras por dia, até os sintomas desaparecerem. 
============ ========= ========= ========= ========= ========= =========
CIRROSE
Causada pelo excesso de bebida alcoólica que propicia o endurecimento do fígado. 

Evite o cigarro, frituras e café. 

Beba chás de: açafrão, agrião, alfazema, artemísia, alcachofra, boldo, carqueja e losna.

Cirrose hepática

Tomar:

1 copo de leite desnatado
1 xícara de agrião
1 colher das de sopa de alcachofra em pó
3 colheres das de sopa de berinjela picada
1/2 xícara de beterraba
1 colher das de sopa de boldo torrado
1/2 xícara de cogumelo
1 xícara de mamão papaia
Açúcar demerara a gosto
(Bater no liquidificador)

Evitar :álcool, frituras e gorduras saturadas. E gordura trans.
============ ========= ========= ========= ========= ========= ========= =

DE ACORDO COM PARACELSO

Causa: Medo, raiva, ser odiado. O fígado é o local da raiva e emoções primitivas. Resistência a mudanças.* 

Cura: "Eu deixo ir agora tudo que não preciso mais, minha consciência esta limpa; cheia de vida."
============ ========= ========= ========= ========= ========= ========= =
Simpatias PARA HEPATITE:

Se uma pessoa estiver com essa doença, deve separar as roupas de cama e todos os utensílios que usar. Essa é uma doença contagiosa que é provocada pelo derramamento da bílis na corrente sangüínea, levando o doente à um estado de fraqueza orgânico geral. A pele se torna amarelada e em alguns casos até esverdeada, por isso é conhecida como icterícia.
Essa doença em vários casos não é curável em pouco espaço de tempo e exige repouso absoluto do paciente, sob pena de agravar mais o caso. É necessário também, uma dieta adequada, evitando os apimentados, bebidas alcóolicas, vinagres e outros. Mas ele pode se deliciar com os doces, dando preferência para uma dieta de frutas e alimentos leves.
O portador de hepatite, acima de qualquer dose medicamentosa, deve colaborar no sentido de repousar o máximo, a fim de que seu organismo entre em completo equilíbrio. Faça também a seguinte simpatia:

Corte nove pedaços de tecido virgem e pegue um pouco da urina do doente. Jogue um pouco em cima de cada tecido, isto é, em cima dos nove pedaços, depois abra um buraco, colocando-os ali dentro. Jogue álcool por cima e, com todo o cuidado, ateie fogo. Quando se queimar, cubra com terra.
Observação: Ao fazer a simpatia, evitar tocar a urina ou o pano impregnado com ela.
============ ========= ========= ========= ========= ========= =====

ADVERTENCIA ACURANATURAL
1- Não utilize a mesma planta ou receita por mais de 15 dias seguidos. Procure outra com os mesmos efeitos e alterne o uso.
2- Evite o uso de recipientes de alumínio.
3- Prepare as receitas na quantidade certa para ser consumidas na hora. (A não ser quando recomendado).
4- Ressaltamos que toda receita alternativa tem o poder de acalmar e amenizar o problema, seja ele uma dorzinha de barriga ou uma grande enxaqueca. É importante sempre lembrar de anotar os seus sintomas e procurar ajuda médica periodicamente para os check-ups. Não nos responsabilizamos pela ingestão das ervas sem o devido acompanhamento terapêutico.
Postar um comentário