segunda-feira, 27 de outubro de 2014

ABÓBORA - RECEITAS NATURAIS

Nesta postagem mostraremos algumas receitas naturais para algumas doenças com a deliciosa ABÓBORA, As partes normalmente usadas são as folhas, flores, talos e sementes. A polpa, que é extremamente saborosa, é usada para pratos especiais, como por exemplo, o famoso "carne-seca com abóbora".

1 – Amassar 2 folhas e 2 flores de ABÓBORA e esfregar levemente na ERISIPELA. Desincha logo.

2 – Comer 2 sementes de ABÓBORA 3 vezes ao dia.
Serve para INFECÇÃO URINÁRIA e para a PRÓSTATA.

3 – Esmagar 1 talo de ABÓBORA até obter suco. Pingar 1 gota desse suco no OUVIDO que dói.

4 – Amassar 1 folha de ABÓBORA e colocar na testa. Faz passar a dor de cabeça.

5 – Comer sementes de ABÓBORA ameniza os vômitos na gravidez.

6 – Tomar 3 copos de purê de ABÓBORA ao dia: 1 de manhã, 1 ao meio-dia e outro à tarde.
Serve para RINS, INTESTINOS, FÍGADO, NEFRITE e para o fortalecimento do CÉREBRO.

7 - Sementes de ABÓBORA são um ótimo fortificante para as crianças. Comer com pão as sementes descascadas e levemente torradas.
8 - Suco das folhas de ABÓBORA faz desaparecer berrugas. É passar levemente nas berrugas e deixar secar. Passar antes de deitar-se.

9 - Um bom pedaço de ABÓB.ORA, 1 cenoura, 1 beterraba, 1 tomate, 1/2 abacate. Bater tudo no liquidificador. Tomar esse suco 3 vezes durante o dia. Crianças tomam a metade. É fortificante de primeira.

FONTE: 300 Receitinhas Naturais Para Sua Saúde (Frei Raul de Lima Sertã)


ADVERTÊNCIA ACURANATURAL
1- Não utilize a mesma planta ou receita por mais de 15 dias seguidos. Procure outra com os mesmos efeitos e alterne o uso.
2- Evite o uso de recipientes de alumínio.
3- Prepare as receitas na quantidade certa para ser consumidas na hora. (A não ser quando recomendado).
4- Ressaltamos que toda receita alternativa tem o poder de acalmar e amenizar o problema, seja ele uma dorzinha de barriga ou uma grande enxaqueca. É importante sempre lembrar de anotar os seus sintomas e procurar ajuda médica periodicamente para os check-ups. Não nos responsabilizamos pela ingestão das ervas sem o devido acompanhamento terapêutico.